Reportagem

Imagem3

Como mobiliar apartamentos pequenos

Com o aumento do preço do m², muitos proprietários se viram inclinados a realizar a compra de um imóvel com menores proporções. No entanto, uma dúvida que surge ao se pegar as chaves do local é: como mobiliar apartamentos pequenos?

O setor imobiliário teve um crescimento bastante perceptível nos últimos anos, com o lançamento de vários empreendimentos em diversas localidades, e em especial nas grandes capitais nacionais. 


Em locais de grande procura, a oferta pelo metro quadro foi se tornando cada vez mais cara, de maneira que uma solução encontrada pelas construtoras foi reduzir o tamanho das unidades, aumentar a quantidade de apartamentos disponíveis e potencializar as vendas. 


Dada a rotina cada vez mais atribulada, além de que as famílias hoje são cada vez menores, a opção de comprar um imóvel pequeno se tornou viável, tanto em termos de preço quanto de espaço. 


Porém, como não poderia deixar de ser, essa escolha implica em uma série de adaptações, como a busca por uma empresa de móveis planejados que ajude na seleção dos armários e faça com que o espaço não fique pouco proveitoso ou muito bagunçado. 


Sendo assim, se você adquiriu um apartamento pequeno, mas quer saber como potencializar a organização de cada cômodo, conhecer algumas dicas nesse sentido pode auxiliar na decoração de todo o imóvel. 


Para isso, siga na leitura deste artigo e conheça algumas sugestões que vão ser importantes para que as decisões tomadas na compra dos seus móveis e artigos sejam feitas de maneira assertiva. 

O que é preciso considerar no momento de mobiliar um apartamento?

Escolher uma poltrona charles eames couro natural não é uma tarefa difícil, não é mesmo? Além de elegante e aconchegante, o produto pode ser facilmente combinado com vários outros itens na residência. 


Mas selecionar cada um dos móveis que vai compor um apartamento pequeno pode ser um desafio. Por isso, é importante levar em conta alguns pontos essenciais:


  • Otimização do espaço;

  • Conforto;

  • Beleza;

  • Mobilidade.


Em apartamentos pequenos é essencial que exista otimização do espaço, garantindo um aproveitamento interessante de cada área. 


Ao mesmo tempo, um lar precisa oferecer todo o conforto possível para os seus moradores, de modo que a escolha de cada elemento pode ser decisiva. 


Além disso, é essencial desfrutar de uma residência bonita, que seja um local agradável de se estar no dia a dia. 


Por fim, vale mencionar a questão da mobilidade. Afinal, espaços pequenos não devem impedir o deslocamento de um cômodo para outro. 


Sendo assim, ao escolher uma mesa de acrílico, é fundamental levar em conta todos esses aspectos, de maneira que a decisão seja assertiva e traga satisfação para os moradores do apartamento. 

Dicas para mobiliar apartamentos pequenos 

Decorar bem um apartamento pequeno pode ser fundamental em vários sentidos. Se essa decisão vai fazer com que o espaço seja melhor aproveitado e ofereça o aconchego necessário para a rotina, ela também será responsável por valorizar o imóvel. 


Por isso, colocar em práticas as dicas a seguir pode garantir que você consiga fazer as melhores escolhas para o seu lar. 

01. Utilizar móveis funcionais

Os móveis com um tipo de compartimento secreto ganharam destaque dentro dos projetos de decoração para apartamentos pequenos. 


Além de otimizarem a organização da casa, ainda conseguem proporcionar espaços interessantes para guardar diversos objetos. 


Uma cama com baú, os moveis planejados home que comportam gavetas e prateleiras extras e mesas dobráveis são exemplos de móveis funcionais, que possuem mais de uma finalidade e potencializam os espaços para acomodar roupas e outros itens. 

02. Escolher móveis planejados

Várias lojas do segmento de mobília possuem opções prontas que são entregues rapidamente para os clientes. Mas quando se possui um imóvel pequeno para decorar, essa pode não ser a melhor alternativa. 


Mesmo que a compra de móveis planejados possa ter um custo um pouco mais elevado do que os modelos convencionais, o investimento certamente valerá a pena. 


Isso porque o desenvolvimento de peças personalizadas para a sua residência é a garantia de que os cômodos serão melhor aproveitados, promovendo o deslocamento confortável pela casa toda. 


Além disso, é importante considerar todos os seus equipamentos domésticos, de maneira que o projeto de móveis seja elaborado com base no que você utiliza no dia a dia, proporcionando um bom resultado na decoração do seu apartamento. 

03. Integrar cômodos

Imóveis muito pequenos tendem a passar a impressão de locais apertados ou muito fechados, de modo que é cada vez mais comum que as plantas dessas edificações consideram a integração de cômodos como uma característica interessante. 


Unificar a cozinha com a sala de estar é um exemplo prático disso, de modo que um balcão dividindo os dois espaços pode proporcionar um ambiente mais agradável. 


Integrar a varanda com a sala também é uma escolha frequente, criando um espaço gourmet interessante, que otimiza a área e oferece uma maior sensação de amplitude no apartamento. 

04. Usar espelhos

Ainda sobre criar uma sensação de amplitude dentro do imóvel, uma dica fundamental para isso é apostar no uso de espelho sob medida, não apenas no banheiro ou quarto, mas também na sala de estar ou corredores. 


Além disso, os espelhos deixam os cômodos mais elegantes, complementando a decoração da casa com maior requinte e sofisticação. 

05. Selecionar pouca mobília

O minimalismo é um modelo decorativo que ganhou grande destaque nos últimos anos. O uso de menos móveis e de poucos artigos decorativos é uma síntese interessante do estilo.


A simplicidade e a facilidade de limpeza são características indispensáveis para famílias que possuem uma rotina mais atribulada, de maneira que o tempo pode ser aproveitado em outros tipos de tarefas.


Por isso, uma residência com muitos móveis ou objetos tem sido cada vez menos indicada por arquitetos e decoradores, tanto no sentido de evitar trabalhos extras quanto na intenção de promover maior mobilidade dentro de espaços pequenos. 


Nesse sentido, é muito mais interessante ter um armario sob medida do que ter várias estantes pequenas, deixando os cômodos espaçosos e bem organizados. 

06. Apostar em iluminação natural

Apartamentos menores precisam contar com uma boa iluminação, correndo o risco de ficarem com um aspecto muito fechado devido às limitações de luminosidade. 


Sendo assim, em vez de utilizar várias cortinas, ou optar por tecidos escuros, uma dica é garantir maior entrada de luz natural, de modo que além de mais claro, a sensação de bem-estar é aumentada com a luz solar. 


Por isso, garanta que nenhum elemento impeça que a iluminação natural irradie dentro dos cômodos do seu lar. 

07. Instalar prateleiras

Uma boa alternativa para quem possui muitos objetos ou aparelhos, mas quer abrir mão de uma quantidade grande de móveis, é instalar prateleiras nos ambientes, em especial na cozinha e nos dormitórios. 


Isso porque essas superfícies são fáceis de limpar, além de que os itens posicionados nelas podem contribuir com a decoração da casa. 


Na cozinha, uma opção interessante é o uso de prateleira de aço inox preço, que não será danificada, nem sofrerá corrosão de ferrugem, mesmo quando a área fica com maior umidade. 

08. Escolher cores claras

Um aspecto que pode influenciar de maneira positiva na decoração de locais pequenos é o uso de tons claros, tanto nas paredes quanto nos móveis. 


Cores muito escuras, além de deixarem o ambiente com uma característica menos agradável, podem ser mais difíceis de harmonizar com tons muito diferentes dos artigos decorativos. 


Por isso, usar tintas claras nas paredes é importante para deixar a casa mais agradável, tranquila e aconchegante. 

09. Dar preferência para itens personalizados

Em vez de utilizar muitos itens pequenos e distribuídos por todos os espaços, dê preferência por objetos personalizados que possam dar um ar mais elegante para a casa como um todo. 


Um exemplo disso pode ser escolher um tapetes de nylon sob medida, que atenda às necessidades específicas da sua sala de estar, no lugar de comprar vários pequenos tapetes e distribuí-los em todas as portas do cômodo. 


Utilizar apenas um quadro maior, em vez de pequenos quadrinhos pode ser outra sugestão para deixar os ambientes mais organizados e alinhados. 

Considerações finais

Decorar um apartamento pequeno pode parecer um desafio em um primeiro momento, mas ao seguir as dicas abordadas neste conteúdo, certamente as escolhas feitas serão muito mais assertivas. 


De fato, priorizar a simplicidade e diminuir a quantidade de móveis e de artigos decorativos já é grande parte do trabalho, facilitando essa tarefa e garantindo que o lar ficará bastante organizado e eficiente. 


Ao optar por esse caminho, o seu lar não apenas contará com uma decoração bonita, como também vai proporcionar conforto e ser valorizado, sendo esse o desejo de qualquer proprietário. 


Por isso, selecione as sugestões que mais fazem sentido para o seu apartamento e construa ambientes aconchegantes e agradáveis para toda a sua família. 


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.